Estudos

IMIGRANTES AÇORIANOS EM SÃO PAULO: TEMPOS, TRADIÇÕES E TRANSFORMAÇÕES

Elis Regina Barbosa Angelo
Maria Izilda Santos de Matos
PDF document IMIGRANTES AÇORIANOS EM SÃO PAULO TEMPOS, TRADIÇÕES E TRANSFORMAÇÕES.pdf

Os fenômenos migratórios da contemporaneidade vislumbram o estabelecimento de novos fluxos demográficos, e, apesar das tensões já postas, não se pode prever todo o seu desencadeamento e amplitude, mas projetam-se ve tores de deslocamentos e pólos de atração. Como tudo que desempenha a função de revelação dos conflitos e crises, as migrações internacionais também
criam oportunidades de reavivar as questões em torno do tema e recuperar sua trajetória na história.

Este trabalho pretende contribuir para o estudo do processo de e/imigração dos açorianos para a cidade de São Paulo, observando a presença desse grupo na cidade num conjunto de transformações, incorporações, alterações e permanências, que se fizeram por meio de histórias individuais e coletivas.

Busca-se na apreensão das experiências históricas dos açorianos estabelecidos na Vila Carrão o processo de constituição de um território como um emaranhado de informações e traços da cultura açoriana. Desvendar as trajetórias e a teia das relações cotidianas dos açorianos e de seus descendentes demonstra uma preocupação em evidenciá-los como um grupo que foi pouco
privilegiado nos estudos sobre a imigração no Brasil.